Sobre MPL e Black blocs : Manipulação midiática

  
     
       Olá , meus caros leitores

      Dois assuntos necessário para se falar agora , MPL  e Black Blocs , o ataque da mídia burguesa esta forte e a marginalização dos movimentos sociais preocupa como todo ano de luta e eleição . A utilização da pauta contra o próprio movimento e o senso comum são as armas que o governo tem se utilizado para descaracterizar a luta frente a população , maior afetada com o aumento da tarifa .
 
      1) Movimento Passe Livre

        Entender o que acontece ao MPL que colocou seu nome na História recente do País , vindo dos acontecimentos de Junho de 2013 , é um processo básico dentro de uma política reciclada de tempos coloniais . 
        Um fato é que quando surgiram movimentos contra o governo , a maioria sumiu da história ou foi marginalizada e jogada ao esquecimento .  O passe livre vem desde 2013 sendo jogado aos poucos num lugar de vilão , fato ligado aos poucos atores sociais a sair na rua em defesa de direitos , desde então brigou nos anos seguintes aos aumentos e ligadas ao Ideal essencial , a Tarifa Zero , que os mantém  engajados .
A sua marginalização é só mais um caso como o MST ( Que é tema futuro neste blog ) .
       Um ponto importante é que Tarifa Zero como ideal , pode ser dado como utopia ou  mudança de vontade política pois a cidade deve garantir direitos como o transporte . Podemos considerar o fato que esta sendo amplamente divulgado , a matemática do capital levando em conta todos os detalhes burocráticos e taxas porém isso não revela a taxa de lucro do empresário do Transporte das inúmeras cooperativas que rodam na cidade sem melhorar a condição de ônibus e o serviço prestado diários a população ; Tanto quanto pensar a rede de transportes de hoje , sobrecarregada e ineficaz que sofre aumento todos os anos sem um sinal de melhora a longo prazo , por que não pensar num outro modelo que o Estado custeie o serviço e torne acessível a todos , tendo uma qualidade similar . Vale ressaltar quanto o modelo de arrecadação é variável mas gira em torno de taxar a todos num imposto como o IPTU mas taxando justamente as classes gerando mais receita ao Estado , do que explorar do dinheiro do trabalhador  que gasta mais de 1 /3 do que ganha para se locomover todo o dia , nesse processo muitos não conseguem sair de suas casas e saem do mercado de trabalho .
      

   2) Black Blocs

       Eles integram um movimentos mas a detalhes importantes a lembrar como a direção política Anárquica e o inimigo deles é o Estado , se diferenciando dos objetivos do MPL .  Os dois movimentos convergem em certos pontos mas eles não tem ligações .
         A presença deles é frequente nos atos de diversas causas quando o assunto é contradições sociais que os governos vigentes praticam , isso torna os radicais da luta por baseada no modo que lhes dá nome , agressiva e contra o sistema , esperar uma atitude diferente é enxergar errado a eles . Eu não sou a favor da ação em si , no entanto , tenho que entender na direção dos movimentos sociais , fazem parte do todo que vão as ruas quando a causa chamar e o combate aparecer pois querendo ou não vivemos em pé de guerra com a PM , Choque e etc . Saímos a luta contra a tirania de tantos governos independentes de siglas .
        O Estado que eles combatem tem vários símbolos como os Bancos , Transnacionais e os grandes prédios da cidade .  A destruição dos mesmos , o ataque é carregado de simbolismo , indignação a realidade que vivemos ; o mesmo vale aos combates com a PM que vivem a ser noticiados , a luta contra o exercito fascista do Estado conhecido como policia Militar .
        O grupo age por seus motivos e não se arrependem de tal posição .  É uma face da guerra invisivel que ocorre todos os dias , somos parte dela e talvez inocentemente , a população não quer perceber .   A problemática de sua existência é complexa demais para se achar uma solução extrema e facil , eles continuaram a existir nos atos e a policia continuara a nos atacar seja lutando nas ruas ( aonde muitos inocente se ferem ) ou nas favelas , aonde morrem muitos e olhos não conseguem ver .


Não se iludam quando falarem de "baderneiros " e "quebra - quebra nas ruas da cidade " pois isso é manipulação . Os atores sociais estão ai para incomodar a sociedade e questionar uma realidade cruel e conformista .

  abraços , @miyoshi_niceguy

Comentários

confira :

os pontos positivos e negativos da Olimpiadas RIO 16

os melhores smartphones de 2017 segundo o Zoom