terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

Cinema nacional e a lei do audiovisual

 
    Olá , meus caros

   Hoje , vamos falar de cinema no Brasil e a lei de audiovisual que é o programa de incentivo do governo para esse tipo de produção . No País de proporções enormes como o nosso , o  cinema não conseguiu se desenvolver completamente e ainda hoje caminha a passos árduos em se popularizar frente a disputa com Hollywood e uma cultura americanizada ; Quando pensamos que é necessário estimular um setor de mercado como o Cinema e o potencial de público dentro das salas de cinema é alto porém esbarra na infraestrutura precária para fazer a sétima arte por aqui . 

Cinema  no Brasil


    A indústria cinematográfica tem seus momentos pelas terras tupiniquins , nas décadas de 50,60 com o cinema novo e períodos de baixa  onde o publico caiu o interesse e a força das produções foram caindo de qualidade . A retomada ocorreu no inicio dos anos 2000 com algumas pequenas produções e com o bom momento da economia , o nosso cinema voltou a produzir bons filmes como o Bicho de sete Cabeças , Carandiru , Tropa de Elite , Som ao Redor , O Palhaço e muitos outros até agora ; Descobrimos como nos levar a sério porém o gênero mais popular são as comédias , muitas vem tendo sucesso de público ao longos dos anos , o Brasileiro gosta de rir de sim mesmo .
    O crescimento natural em premiações internacionais e a criação de um bom circuito onde o melhor das produções nacionais rodam pelos festivais é o cenário que acontece no Brasil hoje . Por mais que as salas de cinema fiquem vazias , existe uma atividade constante para os produtores e a crítica especializada para os diversos filmes que fazem barulho tanto aqui ,quanto fora e ironicamente não chegam ao público . 
    A falta de apelo do produto nacional , mostra a face mais triste de quem tenta fazer algo no cinema . O caso é que o público só sai de casa se tiver ator muito conhecido e um roteiro clichê , não se pode culpar a todos porque o ingresso é caro. 
    Outro ponto é a dificuldade de abordar temas da diversidade e gerar rentabilidade ,frente ao conservadorismo que existe como um todo na sociedade . Mesmo na arte , tentar transmitir uma mensagem progressista enfrenta certas barreiras para ter alcance total .
     

     O que a lei do Audiovisual tem a ver com isso , é o que vamos tentar te explicar


   A Lei que existe desde da década de 80 , com uma revisão em 93 tem a função de estimular a área apoiando produções e co produções nacionais visando o aumento da Infraestrutura . O processo se assemelha ao da Lei Rouanet , com arrecadação de fundo em empresas públicas e privadas , isso se encaixando em editais com temáticas como educativas , diversidade e lógico com perspectivas de lucro para aos patrocinadores .
    Os grandes filmes por aqui tem sido produzido quase exclusivamente pela Globo Filmes/O2 que tem sido a maioria dos projetos de Longas que tem sido aprovados na Lei do Audiovisual , existem editais para todos os gêneros como documentários ,curtas e outros ; Citando cinema comercial , existe um monopólio apesar de haver uma produção independente com bastante qualidade que existe sem a grana que rola pelos editais .
      A realidade no Brasil enquanto produtora audiovisual é bastante limitada , a divulgação é bem dificil , a rentabilidade é a maior dificuldade encarada para qualquer produtor . O formato de curta , média e longa metragem passam pelas mesmas barreiras que vão desde a baixa capacidade de executar seus projetos , tem que competir com o mercado de fora com milhões a mais e a desvalorização com qual tratam as produções Brazukas aqui .
     Todo incentivo para  construir algo positivo dentro do cenário atual do Cinema é valido , fato é que o processo burocrático e a profissionalização custam uma centralização de recursos na mão de certas empresas . O independente não cresce com o apoio do Governo mas com as próprias pernas e faz com a criatividade , exercer um papel de mostrar outras realidades .

Concluindo ... 


    No geral , precisamos crescer sejam com os independentes ou filmes comerciais sendo vistos e valorizar todo o potencial  criativo e artístico do Audiovisual Brasileiro . A lei é importante mesmo que não chegue a todos , permite um aporte que muitos não tem para custear muitas produções de médio/grande porte , tornar um mercado muito favorável num país continental como este , vide o exemplo de Bollywood . 

até a próxima , galera 

    
    

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2017

Inversão de Valores




Olá,

Vamos citar algumas coisas nas quais se inverteram? Por exemplo: O que antes era prioridade, hoje virou opção. O que antes era opção, e hoje virou prioridade.

     Sabemos, que os valores se inverteram e infelizmente muitas das pessoas, acabam priorizando e praticando hábitos fúteis. Outras, acabam deixando de lado o que antes era primordial em um sonho de qualquer pessoa.

Mas, o que fez com que as pessoas invertessem os seus interesses? (Reflexão pessoal)

Segue uma lista de interesses e prioridades do dia a dia:

  • Menores de 18 anos, só pensam em balada e chegar em casa a hora que bem entenderem.
– Esses mesmos jovens, não avisam os pais e muito menos se importam com o que eles pensam sobre isso.

  • Muitos preferem, mais de uma mulher, em vez de assumir um relacionamento e dedicar o seu tempo a essa pessoa.
– Grande parte das pessoas, preferem curtir a vida com diversas mulheres, sair e pegar quantas quiserem, quanto mais melhor. “Pra que casar e ter filhos, se eu posso me aventurar?” (vai entender essa cabeça).

  • Bens materiais valem mais do que a pessoa que eu sou hoje, se eu puder, eu passo a perna ou eu cresço nas custas da outra pessoa.
– Ou seja, pra que ralar? Eu sou o espertão e consigo tudo o que eu quero. A pessoa não está nem ai, em conseguir com o seu suor, com seus méritos. Pra ela, tanto faz, desde que atinja o seu objetivo.

  • Pensar antes de tomar qualquer decisão.
– Não é atoa, que nos deparamos com tantas notícias ruins. Aonde fica o dialogo? Será que ainda existe? As pessoas preferem agir com seus próprios punhos e até mesmo, ser covarde ao ponto de ofender ou ferir ao próximo em vez de sentar e conversar.

Espero que tenha gostado e que reflita sobre seus interesses e valores pessoais.

 – Até a próxima! 


quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Quinta do youtube #5 - Categorias de youtuber Pt 1

  
     Olá , meus caros 

    Mais uma quinta do youtube , hoje falaremos das categorias de conteúdo que dividem os inúmeros youtubers em seus nichos naturais e fala muito seu público . No geral , encaixar os seus vídeos em alguma estilo é natural , ideal para conseguir crescer ,já que as pessoas procuram algo para se identificar dentro do que você tem a dizer dentro dessa grande plataforma . 

Vamos a algumas dessas categorias : 

    Humor :  relacionados a Stand Up , Paródias , pegadinhas e sobre o cotidiano 

  • Canais de Humoristas ou grupos : um exemplo são os Barbixas , Marcos Castro , Jacaré Banguela e outros muitos que existem 
  • Canal de paródias : A maior referência pode se dizer que é o Galo Frito , além de outros muitos talentosos ; O gênero também é muito comum em outros canais com enfoque variado 
  • Canais de Trollagem : Geralmente feito por jovens youtubers , fazem entretenimento a qualquer custo com vídeos de armações , desafios estúpidos e reações adversas . 
  • Vlogs diários : O deboche da vida real gera um conteúdo que faz parte do humor , talvez um passo antes do Stand Up 
  Musica : Bastidores , covers , turnês e diários 
  • Canais de covers : o tipo mais comum entre meros mortais , a busca pelo nome da musica + cover faz com que você ache inúmeras versões . Alguns artistas conseguiram impulsionar suas carreiras através do youtube como Manu Gavassi , Gabi Luthai 
  • Canais de Bandas : A era da Internet chegou ao mercado da música , boa parte das grandes bandas tem seus clipes e conteúdos online e uma grande vitrine para outros grupos surgirem . 
  • Canais pessoais de artistas : Diversos artistas abrem suas vidas fora das turnês com o seu cotidiano, eventos e viagens para se aproximar de seus fãs . 
Cultura Pop / Geek : Os canais que falam de cinema , series , noticias , analises e resenhas 
  • Grandes redações : pequenas empresas como o Omelete , Jovem Nerd , Tecmundo e etc . Fazem coberturas , resenhas e cobrem mercados gigantes como games , cinema e TV com excelência 
  • Analistas/resenhistas : Pessoas formadas ou não , com vivência intensa fazem uma analise mais próxima dos grandes  lançamentos , jogos e tudo mais , o foco é mais a opinião do que as noticiais em si , cativam o público não especializado .
Faltou algum tipo neste post , comenta ai que vai tá no próximo 
 
Espero que tenham gostado , até a próxima
   

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

FHM #16 : Papo 12 - O Derby Centenário




Olá,

Você sabia que Corinthians x Palmeiras é um dos jogos mais importantes do futebol mundial?

Em 2017 o clássico completa 100 anos de história. O primeiro jogo foi em 6 de maio de 1917 e quem levou a melhor foi o Palmeiras, na época chamado de Palesta Itália, por 3 a 0.

Papo de boleiro, parte 14.


10 PARTIDAS MARCANTES NO DERBY

08/03/2003 Corinthians 4 x 2 Palmeiras (Morumbi)
O Palmeiras jogaria pela primeira vez a série B do Campeonato Brasileiro naquele ano.
1° jogo 2 x 2 no jogo de ida, o Corinthians venceu por 4 x 2 a partida de volta. Corinthians campeão sobre o São Paulo.
Horário: 18h
Local: Estádio do Morumbi (São Paulo)
Transmissão: SBT, ESPN Brasil e Sportv
Arbitragem:
Corinthians : Doni; Rogério, Fábio Luciano, Ânderson e Kleber; Fabrício, Vampeta e Jorge Wagner; Leandro, Liedson e Gil
Técnico: Geninho

Palmeiras :  Marcos; Neném, Claudecir, Everaldo (Adãozinho) e Marquinhos; Adãozinho, Correa, Zinho e Pedrinho; Muñoz e Thiago Gentil 
Técnico: Jair Picerni

26/03/2006 Corinthians 1 x 1 Palmeiras (Morumbi)
– Clássico apimentado, Nilmar e Washington marcaram os gols do empate que foi ruim para as duas equipes. Santos foi campeão.

PALMEIRAS
Sérgio; Thiago Gomes, Gamarra e Leonardo Silva; Correa, Marcinho Guerreiro, Alceu (Reinaldo), Marcinho (Cristian) e Lúcio; Edmundo (Enílton) e Washington
Técnico: Emerson Leão

CORINTHIANS
Marcelo; Coelho (Eduardo), Betão, Marcus Vinícius e Gustavo Nery; Marcelo Mattos, Mascherano, Carlos Alberto (Élton) e Ricardinho; Tevez e Nilmar
Técnico: Ademar Braga

Local: Estádio do Morumbi, em São Paulo (SP)
Árbitro: Cléber Wellington Abade
Auxiliares: Ana Paula Oliveira e Evandro Luís Silveira
Cartões amarelos: Mascherano (C), Alceu (P), Washington (P), Leonardo Silva (P), Marcelo (C), Correa (P), Marcinho Guerreiro (P)

Gols: Nilmar, aos 8min, Washington, aos 25min do primeiro tempo

04/03/2007 Corinthians 0 x 3 Palmeiras (Morumbi)
 Edmundo deu show e marcou dois gols, garantindo a vitória e ainda passar o rival em pontos.
CORINTHIANS
Jean; Eduardo Ratinho (Amoroso), Marinho, Gustavo e Carlão (Rafael Fefo); Daniel (William), Marcelo Mattos, Magrão e Roger; Nilmar e Arce
Técnico: Emerson Leão

PALMEIRAS
Marcos; Wendel, Edmílson, David e Leandro; Pierre, Francis, Martinez, Valdivia (Cristiano) e Edmundo (Michael); Alemão (Osmar)
Técnico: Caio Júnior

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo
Árbitro: José Henrique de Carvalho
Assistentes: Ednilson Corona e Carlos Augusto Nogueira Junior
Público: 28.486
Renda: R$ 379.183,00

Cartões amarelos: Magrão (C), Alemão (P), Edmundo (P), Pierre (P), Arce (C), Gustavo (C) e Amoroso (C)
Gols: Edmundo, aos 17min, Osmar, aos 38min do primeiro tempo; Edmundo, aos 37min do segundo tempo

02/03/2008 Corinthians 0 x 1 Palmeiras (Morumbi)
O Corinthians tinha acabado de ser rebaixado no Campeonato Brasileiro. O Palmeiras se preparava para conquistar o estadual após 12 anos. O Chileno Valdívia marcou o gol e saiu fazendo o sinal de “chororô” na comemoração. Último jogo entre as equipes no Morumbi.
Estádio: Morumbi, São Paulo (SP)
Árbitro: Rodrigo Braghetto
Auxiliares: Ednilson Corona e Vicente Romano Neto
Renda e público: 49.930 pagantes
Cartões amarelos: Bruno Octavio, Héverton, Chicão e André Santos (COR); Diego Souza, Léo Lima, Martinez, Valdivia e Pierre (PAL)
Cartão vermelho:
GOLS: 29’/2ºT – Valdivia (0-1)

CORINTHIANS: Julio Cesar, William, Chicão e Carlão (37’/2ºT – Lima); Carlos Alberto, Perdigão, Bruno Octávio (15’/1ºT – Bóvio), Lulinha e André Santos; Herrera e Diogo Rincón (23’/2ºT – Héverton). Técnico: Mano Menezes.

PALMEIRAS: Marcos, Elder Granja, Gustavo, Henrique e Leandro; Pierre, Wendel (15’/2ºT – Kléber), Léo Lima e Diego Souza (37’/2ºT – Martinez); Valdivia e Alex Mineiro (20’/2ºT – Denílson). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.

08/03/2009 Palmeiras 1 x 1 Corinthians (Prudentão)
O Jogo marcou o retorno de Ronaldo ao futebol Brasileiro. O Palmeiras vencia por 1 x 0, quando Ronaldo, de cabeça, aos 45 do segundo tempo, empatou e colocou abaixo o alambrado do estádio.

Local: Estádio Eduardo José Farah – Prudentão (Presidente Prudente-SP)
Data: Domingo, 8 de Março de 2009 – 16:00 h (de Brasília)
Árbitro: Cleber Wellington Abade
Assistentes: Carlos Augusto Nogueira Júnior
Público: 48.479 pagantes – Renda: R$ 1.349.390,00
Cartões amarelos: Marcão, Keirrison, Maurício Ramos, Fabinho Capixaba e Pierre (Palmeiras); Cristian, Escudero, Dentinho, Ronaldo e Felipe (Corinthians)
Cartão vermelho: Fabinho Capixaba (Palmeiras)

Gols: Diego Souza 3/2º e Ronaldo [de cabeça] 47/2º

PALMEIRAS:
Bruno; Maurício Ramos, Marcão e Danilo; Fabinho Capixaba; Sandro Silva (Jumar), Pierre, Cleiton Xavier, Diego Souza (Willians) e Pablo Armero; Keirrison (Marquinhos). Técnico: Wanderley Luxemburgo

CORINTHIANS:
Felipe; Escudero (Ronaldo), William e Chicão; Fabinho (Alessandro), Cristian, Elias, Douglas e André Santos; Jorge Henrique e Souza (Dentinho). Técnico: Mano Menezes

06/02/2011 Corinthians 1 x 0 Palmeiras (Pacaembu)
 O Corinthians tinha acabado de ser eliminado na pré-Libertadores pelo modesto Deportes Tolima, da Colômbia. O lateral Alessandro garantiu o 1 x 0 para o Corinthians, que passaria a constuir a equipe campeã do Brasileiro daquele ano e da Libertadores e do Mundial de 2012.
Estádio: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data/hora: 6/2/2011 – 17h (de Brasília)
Árbitro: Antonio Rogério Batista do Prado
Auxiliares: Rafael Ferreira da Silva e Maiza Teles Paiva
Renda/público: R$ 678,111.00 – 23.714 pagantes
Cartões amarelos: Tinga, Patrik e Luan (PAL), Leandro Castán e Chicão (COR)
Cartões vermelhos: Não houve
GOLS: Alessandro 37’/2°T

PALMEIRAS: Marcos, Cicinho, Maurício Ramos, Thiago Heleno e Rivaldo (Max Santos – 40’/2°T); Márcio Araújo, Marcos Assunção e Tinga (Adriano – 18’/2°T); Luan, Kleber e Dinei (Patrik – 13’/2°T). Técnico: Luiz Felipe Scolari

CORINTHIANS: Julio Cesar; Alessandro, Chicão, Castán e Fábio Santos (Marcelo Oliveira – Intervalo); Ralf, Jucilei, Ramirez (Morais – 34’/2°T) e Danilo; Jorge Henrique e Edno (Willian – 16’/2°T). Técnico: Tite

01/05/2011 Palmeiras (5) 1 x 1 (6) Corinthians (Pacaembu)
Mesmo tendo saído atrás, buscou o empate, após a expulsão do zagueiro Danilo, do Palmeiras. O goleiro Júlio César foi o herói corintiano ao defender a cobrança de João Vitor.

PALMEIRAS 1 (5) X 1 (6) CORINTHIANS Deola; Cicinho (João Vitor), Danilo, Thiago Heleno e Rivaldo; Márcio Araújo, Marcos Assunção, Tinga (Patrik) e Valdivia (Leandro Amaro); Luan e Kleber. Julio Cesar; Alessandro (Ramírez), Chicão, Leandro Castán e Fábio Santos; Ralf, Paulinho, Bruno César (Morais) e Jorge Henrique; Dentinho (Willian) e Liedson.

Técnico: Luiz Felipe Scolari. Técnico: Tite.

Gols: Leandro Amaro, aos sete, e Willian aos 19 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Kleber (PAL); Alessandro, Fábio Santos, Bruno César, Ralf, Leandro Castán (COR). Cartão vermelho: Danilo (PAL)

Público: 33.861 pagantes. Renda: R$ 949.238,00.

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP). Data: 01/05/2011. Árbitro: Paulo Cesar de Oliveira. Auxiliares: JVicente Romano Neto e Alex Alexandrino.

8/02/2015 Palmeiras 0 x 1 Corinthians (Allianz Parque)
Foi o primeiro clássico do Allianz. O zagueiro Vitor Hugo falhou feio ao recuar uma bola e acabou entregando o gol para o rival, de Danilo, que garantiu o resultado, mesmo com a expulsão do goleiro Cássio.

Local: Palestra Itália, em São Paulo (SP)
Data: 8 de fevereiro de 2015, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (SP) e Anderson Jose de Moraes Coelho (SP)
Cartões amarelos: Robinho, Alan Patrick (Palmeiras); Bruno Henrique, Cássio
Cartão vermelho: Cássio (Corinthians)

Gol: CORINTHIANS: Danilo, aos 32 minutos do primeiro tempo

Palmeiras: Fernando Prass; Lucas, Tobio, Vitor Hugo e Zé Roberto; Amaral (Alan Patrick) e Gabriel; Allione (Rafael Marques), Robinho e Maikon Leite (Dudu); Leandro Pereira. Técnico: Oswaldo de Oliveira

Corinthians: Cássio; Edílson, Edu Dracena, Gil e Fábio Santos; Ralf, Bruno Henrique, Petros (Cristian), Danilo e Mendoza (Luciano); Guerrero (Walter). Técnico: Tite

19/04/2015 Corinthians (5) 2 x 2 (6) Palmeiras (Itaquerão)
 – Primeiro e até aqui, único jogo entre as equipes no estádio pelo Campeonato Paulista, válido pela semifinal do Paulistão. O Palmeira abriu o placar, sofreu a virada, mas empatou com Rafael Marques. Nos pênaltis, o Palmeiras poderia ter sido eliminado na última cobrança, de Elias, mas o goleiro Fernando Prass brilhou. Pegou a cobrança e repetiu o feito no último chute de Petros, nas alternadas, garantindo o Palmeiras na decisão e a festa da torcida visitante.

Data: 19 de abril de 2015, domingo
Horário: 16h (de Brasília)
Local: Arena Corinthians, em São Paulo (SP)
Público pagante: 38.457 pessoas
Renda bruta: R$ 3.194.302,50
Árbitro: Thiago Duarte Peixoto
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho e Alex Ang Ribeiro
Cartões amarelos: Lucas e Arouca (PAL); Fagner (COR)
Gols: Victor Ramos, aos 13 minutos do 1º T; Danilo, aos 33 minutos e Mendonza, aos 44 minutos do 1º T. Rafael Marques, aos 29 mintuos do 2º T

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Gil e Fábio Santos; Ralf e Bruno Henrique (Petros); Danilo, Jadson (Renato Augusto) e Mendonza; Vagner Love (Elias)
Técnico: Tite

PALMEIRAS: Prass; Lucas (Cleiton Xavier), Jackson, Victor Ramos e Wellington (Kelvin); Gabriel e Arouca; Dudu, Robinho e Valdivia (Gabriel Jesus); Rafael Marques
Técnico: Oswaldo de Oliveira

03/04/2016 Palmeiras 1 x 0 Corinthians (Pacaembu)
 O Palmeiras não vencia o Corinthians no Pacaembu desde 1995. Vinte e um anos depois, Lucca teve um pênalti para abrir o placar, mas Fernando Prass defendeu e no contra-ataque, após cobrança de falta na área, Dudu, de cabeça, marcou o gol da vitória palmeirense.
Local: Estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Data: 3 de abril de 2016 (domingo)
Horário: 16h (de Brasília)
Árbitro: Flavio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Carlos Augusto Nogueira Junior e Anderson Jose de Moraes Coelho (ambos de SP)
Público: 22.663 (21.219 pagantes)
Renda: R$ 644.765,00
Cartões amarelos: Gabriel Jesus, Arouca, Alecsandro, Egídio (Palmeiras); Lucca, Felipe, Giovanni Augusto (Corinthians)
Gol: Dudu (Palmeiras), aos 30 do 2º tempo

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean, Thiago Martins, Vitor Hugo e Egídio; Arouca (Lucas), Gabriel (Thiago Santos), Robinho (Dudu) e Zé Roberto; Gabriel Jesus e Alecsandro.
Técnico: Cuca

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Felipe, Yago e Uendel; Bruno Henrique, Elias (Maycon), Giovanni Augusto, Guilherme (Romero) e Lucca (Danilo); André.
Técnico: Tite

HOJE TEM DERBY: 22/02/2017

Nesta quarta-feira, acontecerá o primeiro clássico do ano do centenário, no Itaquerão, às 21h45 (de Brasília).


Links Relacionados:







Dica Iphone : Faça a bateria durar




Olá,

Um clique rende muito mais bateria do seu iPhone.

    Muitos sabem, que a bateria é considerada um ponto fraco do iPhone. Mas, desde o iOS9, os fãs da Apple ganharam um pequeno aliado: o “Modo de Pouca Energia”, que desliga ou reduz funções em 2° plano, como e-mails, Siri, atualizações e downloads automáticos e notificações. Com isso, a bateria passa a render mais até que o aparelho seja recarregado e recupere 80% de carga ou mais.

    Normalmente, quando a bateria chega a 20%, o sistema do iPhone automaticamente te pergunta se você quer acionar o “Modo de Pouca Energia”. E ele também desliga a função automaticamente quando a carga chega a 80%.

Como fazer:

  • Clique no ícone “Ajustes” na tela inicial, depois entre no menu “Bateria” e lá ative a opção “Modo de Pouca Energia”, deve ficar verde.

    Quando o recurso está acionado, o ícone da bateria no canto superior direito da tela fica amarelo.
Mas abaixo, a mesma tela mostra os apps que gastam mais energia. Eles são vistos por ordem das últimas 24 horas ou pela semana, além de explicar o tempo gasto em tela acesa ou de segundo plano em cada aplicativo. Para isso, basta clicar no ícone do relógio (ao lado de “últimos 7 dias”).

Eaí, gostou? Seu iPhone vai render muito mais após aplicar está dica.

Fonte: UOLTecnologia


Espero que tenha gostado. É apenas uma base para você que gosta e se interessa por tecnologia.