segunda-feira, 26 de março de 2012

Nos poderíamos ser melhores se fossemos mais verdadeiros




   Umas das características fundamentais para todo o ser humano é a verdade, ou seja, expressar as suas opiniões, defender o seu ponto de vista sem se importar com o que os outros vão pensar simplesmente dizer o que pensa doa a quem doer. Porém atualmente a verdade que cada um possui dentro de si é ocultada pelo medo de ofender, criticar e não agradar as pessoas em nossa volta acabamos muitas das vezes não expressando o que realmente queríamos dizer, e com isso não falamos tudo que pensamos por medo.
    O medo é um dos maiores problemas que cercam o nosso dia a dia, quantas vezes já não quisemos dizer algo sobre alguma situação que faz parte do nosso meio, mas por medo não falamos? Quantas vezes já nos omitimos simplesmente para não ofender alguém? Quantas vezes não defendemos o nosso ponto de vista até o fim, só por que não queremos criar conflitos? A resposta para cada uma dessas perguntas são várias e várias vezes, deixamos de lado a nossa opinião, o nosso pensamento simplesmente por que alguma pessoa não concordou, ou se sentiu ofendida, isso é um erro pouco importa se não concordam o que pensamos, o mais importante é valorizar a nossa própria opinião antes de valorizar a dos outros, a deles também são importantes, mas a sua é a sua.

   Na noite de ontem no programa De Frente com Gabi o entrevistado era o Rafinha Bastos, ele disse tudo o que pensava sobre as ultimas polêmicas envolvendo seu nome. A mídia colocou-o como se fosse um monstro, foi demitido da TV Bandeirantes e criticado em todos os veículos de comunicação e criticado também por muitos humoristas. Ontem a Gabi fez muitas perguntas para ele sobre o caso da piada envolvendo a Wanessa e o filho dela. O que me impressionou no Rafinha foi a tranquilidade com que ele encarou tudo aquilo, ele afirmou que não se importa com o que a mídia e os outros humoristas pensam, ele disse que não muda o pensamento dele, aquilo é a sua verdade, ele também não considera esta errado por que o estilo de humor dele, ele considera certo e ponto. A mídia critica muito ele, porém Rafinha pouco importa com a opinião dos outros, a dele é a que vale, e o reto pensem o que quiser.
   

   Rafinha Bastos deixou bem claro no programa de ontem o quanto é importante valorizar a própria opinião, não devemos dar uma importância suprema ao que os outros falam ou pensam de você, afinal o que eles pensam não interessa deixa pensarem a vontade, a opinião dos outros não é mais importante a nossa própria opinião, pelo contrário é muito menos importante, ele também afirmou que as opiniões realmente importantes são a do pai e da mãe, quando a gente consegue agradar a eles, fazer com que sintam orgulho, foda-se o resto. Um cara que foi muito criticado pela mídia, que enfrenta processos por conta das piadas, mas esta tranquilo pois fala o que pensa, defende o seu ponto de vista, é verdadeiroEle enviou um e-mail para o marido da Wanessa pedindo desculpas, ele disse a Gabi “se eles querem minhas desculpas, eu dou a eles” porém ele afirmou que na TV em rede nacional não era necessário pois ele não considerou nada de errado na piada, aquele é o ponto de vista dele e ponto. Não estou defendendo ele porém este aspecto é um belo exemplo a ser seguido por essa sociedade feita de pessoas falsas, que escondem o que pensam por medo de ofender ou para se sobressair.
   O programa de ontem no SBT foi muito bom um dos melhores que já assisti o que me motivou a fazer esse texto sobre a verdade de cada um, no geral o Rafinha nos deu um grande exemplo, nos ensinou alguma coisa verdadeiramente útil, diferentemente de um programa de lutinha que a Vênus Platinada transmitiu, que é até legalzinho mas não me ensinou absolutamente nada de útil para a minha vida, pancadaria eu vejo em muitos lugares, um bom exemplo nem sempre eu vejo. E ontem um cara que foi muito criticado pela mídia, recebeu vários processos, deu esse exemplo ele fez uma piada forte? Pode ser que sim, mas quantos já não fizeram piadas parecidas e a mídia não disse absolutamente nada, não repercutiu tanto. Rafinha ensinou o quanto é importante ser verdadeiro e defender o que pensa até o fim e fodam-se os outros. Sejamos então mais verdadeiros, que tenhamos um ponto de vista firme, quando estiver errado reconheça o erro, porém defenda a o que pensa até o fim.

Autor:Samuel Lucas

1 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

Se expressem , gritem , cornetem , comentem

Grato , blog 2 cabeças viajantes