sexta-feira, 29 de julho de 2011

A Felicidade das Pequenas Coisas

Olá,Meus caros leitores!

Nessa sexta-feira vou falar de um assunto legal, a felicidade que é algo tão procurado pelas pessoas nos dias de hoje nessa correria da modernidade. Os dias de hoje, você está numa eterna correria e nunca percebe que pequenas coisas podem te deixar feliz. E é sobre isso que vou falar hoje.
Hoje , o Mundo é tão rápido que temos uma visão diferente de outros tempos, que para ser feliz é simples, ter o necessario e viver em paz. Hoje temos que ter tanto para podermos dizer que somos felizes que somos felizes e não sabemos.
O Ritmo moderno faz com que nós não vejamos o lado bom da vida que é curtir os amigos, filhos e a família, é ver a natureza e relaxar, é ouvir sua música favorita, ver um filme com o seu amor, é ver o sol se pôr e etc. Os nossos olhos vêem tanto a cor cinza que esquecemos das cores da vida e alegria de pequenos detalhes que podem mudar o nosso dia e nos fazer feliz, sorrir e até rir. Atualmente tudo é tão sério que cansa não poder brincar e se soltar, tudo é tão rígido, cheio de regras que não permite ser você mesmo .
A Felicidade das pequenas coisas é basicamente viver, é conseguir parar e perceber detalhes que geralmente não se vê que realmente podem nos deixar felizes e deixar a vida mais bonita. No meio da correria da vida rever os amigos, deitar no meio da grama e olhar as estrelas, é passar horas conversando sem se importar com o tempo e viver aquele momento.
Bom, queria dizer que é melhor viver um dia de cada vez, aproveitando todo os momentos bons ou ruins, prestando atenção em pequenas coisas do dia a dia, pode lhe trazer uma vida tranquila independente se o trabalho é realmente o que você quer, se a sua vida está no trilho ou não. Portanto tente viver cada momento e perceba que pequenas coisas da vida te trazem felicidade de verdade.

Uma música pra encerrar e traduzir o post :




Escrito por @Miyoshi_Niceguy

0 comentários:

Postar um comentário

Se expressem , gritem , cornetem , comentem

Grato , blog 2 cabeças viajantes