segunda-feira, 18 de julho de 2011

Qual é a do Google +


     A uma semana ganhei o convite para o Google Plus que é a nova ferramenta/rede social da Google. Admito que eu estava ansioso para pegar esse convite, por mais que eu não seja um daqueles usuários top que usam a rede social a todo vapor e com uns 200 mil seguidores ou números equivalentes de amizades em outras redes sociais, mas eu gosto é de ver as novidades, a parte “artística” digamos assim.
    Pois bem, testei a nova rede social por uma semana e agora farei uma análise do treco. 
Bem, esse negócio de convite é uma grande jogada manjada da Google, que já se utilizou da artimanha no Orkut, lembram-se disso? Na época do Orkut isso ainda era pouco questionado porque realmente a rede social foi realmente uma novidade e valia a pena esse negócio de mistério e tals, mas hoje as coisas são completamente diferentes, todo mundo já está bem habituado com a internet (por causa da inclusão digital hehehe) e as pessoas ainda continuam “caindo” nessa de convite justamente porque se espera coisas novas.
Estou dizendo isso porque o Google Plus criou uma expectativa muito maior do que ele pode satisfazer na parte de uso,
    Veja caros leitores deste humilde blog XD  O que o Orkut representou à internet? Representou o novo jeito de se compartilhar informações tanto pessoais (para seus amigos) quanto para conhecimento de todos (as comunidades), isso foi meio que inédito, por mais que as comunidades tenham virado um amontoado de figurinhas quase inúteis.
    E o Facebook então? Ele representou e representa aquilo que o Orkut também  fez, que era o compartilhamento e a interação entre amigos e próximos.
    E o Twitter?  Um jeito novo de compartilhar informações com qualquer um, pequenas informações que poderiam ser úteis (ou não) para uma pequena massa de pessoas.
Mas o Plus,veio justamente para “ligar” esses serviços em uma coisa só. Não que ele vá ser um intermediário entre esses serviços, mas sim o seu próprio serviço.
    Eu também estou tentando evitar dizer isso, mas o Plus é ligeiramente parecido com o Facebook, a Google fez algumas mudanças fortíssimas como arranjos para se por nos seus textos, colocou uma ferramenta chamada “Sparks” que lhe dará notícias e outras coisas sobre um determinado assunto que quiser procurar, o novo sistema de agrupamento que permite arrastar contatos ao seus círculos, e tals. E, claro, sem esquecer da bomba que eles plantaram e que provavelmente vai ser o que fará muitas pessoas optarem pelo Plus: Google Hangout. Essa ferramenta é nada mais nada menos que um modo de se comunicar via vídeo ou apenas por voz em grupo. Você pega lá seus amiguinhos dos seus círculos e põe numa conversa em grupo por vídeo e voz que poderá ser gravada posteriormente e até postada no Youtube (outro serviço da Google). Essa ferramenta promete desbancar o Skype. E o bate papo mixuruca do Facebook. Mas o Plus ainda é muito semelhante em outros pontos como a área de “news”, o “curtir” que no Plus passa a ser “+1’s” e todas essas coisas bem corriqueiras no Facebook.
O Plus ainda não tem aplicativos e addons, muito provavelmente porque ainda não tem usuários o suficiente para chamar a atenção dos criadores, mas é quase certo que logo terá.
Agora você quer saber como que ele está unindo diversos serviços em um lugar só, sendo que o corpo principal do Plus é algo que se assemelha muito com o corpo do Facebook?
Com essa barrinha aqui: 


É isso aí, é uma ótima rede social, afinal foi feita pelos craques da Google, mas que infelizmente vai ter que se virar para ficar mais criativa.
TEXTO by BLYTER

0 comentários:

Postar um comentário

Se expressem , gritem , cornetem , comentem

Grato , blog 2 cabeças viajantes