terça-feira, 4 de outubro de 2011

A Copa de 2014



    O assunto mais debatido e noticiado em toda mídia nacional atualmente é a Copa de 2014. Um grande evento que ocorrerá pela segunda vez no país. A expectativa é muito grande diante desse acontecimento. Mas alguns fatores são questionados. Surge uma grande questão, a Copa realmente trará benefícios para o país? As obras vão sair do papel? Será que realmente compensa investir tanto dinheiro, visto que o país ainda é subdesenvolvido?

                                                                   
                                                                    Mineirão 2014
  
    O tema Copa no Brasil traz a tona inúmeros debates. O governo e certa parte das pessoas considera que o evento será muito bom para o país, afirmando que ele trará consigo desenvolvimento em inúmeros setores consequentemente fará o país crescer cada vez mais. Outra parte das pessoas considera que o evento não deveria ocorrer, alegando que os governantes deveriam se preocupar em investir todos os bilhões de gastos, na diminuição da pobreza.

    Os investimentos no evento são gigantescos, construção de estádios, hotéis, infraestrutura em geral. Não existe um valor exato de quanto dinheiro será investido na Copa, mas gira em torno da casa dos Bilhões. O grande problema é que as obras estão atrasadas em vários estados. Algumas cidades não tem a mínima condição de sediar o evento, os recursos em hotelaria e transporte são precários e ainda estão em fase de desenvolvimento.

(Estádio do estado de São Paulo para Copa
na lógica esse é o local da abertura...)

   Com relação aos estádios existe uma grande apreensão sobre o seu acabamento, visto que em alguns estados sequer as arenas foram construídas. Um exemplo é principal estado do país, São Paulo, onde as obras começam a sair do papel agora. E segundo o governo, lá será a abertura, e nem existe estádio ainda. Outro grande problema são as greves dos operários que ocorrem em alguns estados, e também o fato de que muitos estádios ainda se encontram nas fases das vigas. Apenas alguns estádios estão um pouco mais adiantados, mas em um panorama geral nenhum ainda ultrapassou  os 50% de conclusão, ou seja isso é preocupante.
  
     Um fato questionadíssimo por muitas pessoas é que o governo investe muito dinheiro em um evento que para o país não tem tanto importância. Segundo muitos o Brasil não tem capacidade para sediar uma Copa, pelo fato de ser pouco desenvolvido em aspectos de fundamental importância ligados a infraestrutura. Para essa parte da população, todo o dinheiro gasto na Copa deveria ser investido na melhoria, das condições sociais, educação, desenvolvimento urbano, saneamento básico, moradia, entre outros inúmeros aspectos. Essa é uma opinião que tem muita coerência, mas o governo não volta atrás e nem pode voltar.

     O tema Copa de 2014 ainda vai dar muito que falar. Varias pessoas estão receosas sobre o acontecimento ou não da Copa. Diante disso é necessário fazer uma observação que na África as obras também atrasaram e mesmo assim o evento ocorreu. Provavelmente no Brasil não será diferente. É nítido que as obras vão ser concluídas em cima da hora, mas vai ter Copa do mesmo jeito. Porém o governo poderia ter planejado melhor o andamento das obras. Já que não o fez agora aguenta as consequências.


Se você quiser  ficar um pouco mais por dentro de como andam as obras para a Copa  confira este link abaixo:


@samuelucas1

  



0 comentários:

Postar um comentário

Se expressem , gritem , cornetem , comentem

Grato , blog 2 cabeças viajantes