quinta-feira, 10 de maio de 2012

Afinal o que tem de mais nas músicas internacionais?




   Nós brasileiros temos uma certa mania que nada mais é que ouvir música internacional. Esse hábito é muito comum entre todos nós, na realidade estive analisando esse fato e parei para pensar, o quanto somos idiotas, bobos, desocupados, pois a maioria de nós não entende nada, absolutamente nada de outros idiomas e mesmo assim escutamos tais musicas, se ficássemos só escutando estava até bom, mas não o brasileiro ainda cisma em cantar a porcaria da letra, e o pior canta tudo errado.
   Em nossos celulares, IPHONES, MP3, MP4, MP7384804623836733, certamente possuímos algumas músicas internacionais, algumas não, eu quis dizer várias, afinal gostamos muito das letras, mas ainda continuamos sem entender nada do que esta sendo dito, mas isso pouco importa se gostamos da letra e do ritmo é o que importa muitos de nós se identifica com a música e ainda assim não entende nada. Sinceramente é muita idiotice junta, o nosso cérebro é meio doido, se identificar com uma coisa que não se pode entender, eu hein!
   Fato é que os ritmos internacionais fazem parte da nossa cultura, embora não tenham nada a ver com a nossa cultura, pois são músicas de outros países, mas como nós brasileiros apreciamos tanto as músicas acabam por se tornar parte da nossa cultura, enfim isso tudo é confuso, começo a pensar o que é cultura? Bom isso é assunto para outro texto. Ainda sobre as músicas internacionais, talvez a pior parte delas seja escutar alguém que não sabe nada de inglês tentando cantar, e de dar calos nos ouvidos da vontade de dar uma tijolada no infeliz, ou se você tiver uma boa condição financeira pague um curso para este humilde analfabeto linguístico.
   Uma das piores coisas que abrangem os ritmos internacionais ocorre quando um cantor (a) daqui do Brasil resolve gravar em inglês, vira tudo uma merda, não por que a pessoa não saiba inglês, mas sim por que além do cantor não valorizar o país, o infeliz do cantor (a) deixa todos nós sem entender merda nenhuma. Isso é um porre aqui existe muito essa modinha de gravar em inglês, tudo bem gravar uma musiquinha ou outra agora gravar um CD inteiro é um absurdo, o cúmulo da falta de respeito com o país, a Wanessa Camargo é um exemplo não grava mais nada em português só em inglês. Também é uma porcaria quando o cantor resolve introduzir só um pedacinho da letra em inglês, tipo umas musicas por ai “Is my love, is my love” decide ai ou minha filha, ou canta tudo em inglês ou em português.
   Enfim esse é um assunto que é quase impossível de ser debatido, deixei aqui minha opinião você pode discordar ou concordar, fato é que faz parte do nosso dia a dia, essas musicas internacionais por ai que ninguém entende nada, tudo bem se as pessoas gostam de música internacional, mas também poderiam valorizar a musica nacional, aqui tem muito musico bom, bons cantores, compositores, e bandas (quando eu digo musica boa não estou me referindo a Restart e toda essa modinha ai que alguns tem a coragem de chamar de música, e o pior chamar de rock). E outra bem que as pessoas podiam fazer um curso de inglês e aprender pelo menos o básico para cantar corretamente né.

Autor: Samuel Lucas



1 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

Se expressem , gritem , cornetem , comentem

Grato , blog 2 cabeças viajantes