Classic Games - Munhunt

Galera, como vai? tranquilo?

segunda passada teve uns pobremas aí na postagem do meu post, mas acho que dessa vez o post chega no dia certo (nunca se sabe, estou escrevendo isso aqui no offline, a internet caiu e nunca se sabe quando é que ela vai voltar)

a proposta de hoje é falar um pouco de jogos hehehe, fala aí quem não curte jogos está convidado a ler isso aqui sem reclamar  XD

Nossa, falar de jogos, gente...vocês tem ideia de quantos jogos o mundo tem?
Nem eu, mas imagino que sejam bilhares.
Para ser mais claro falarei de jogos eletrônicos. Mas como esse nome é meio estranho vamos chamar de games só XD

É que o Myoshi mandou XD

clássicos, vamos ao que interessa, mas vamos falar de clássicos pouco conhecidos (se é que isso existe, afinal clássico era pra ser algo bastante conhecido XD). Bem, vamos falar de clássicos para uma determinada massa de pessoas mas que chega a ser desconhecido ao resto. Vai ser uma análise crítica da obra, não pense que só porque determinado game vai ser o assunto que vai ser uma rasgação de seda, vou tentar por os prós e contras, claro que é bem provável que vá ter mais prós que qualquer outra coisa, afinal é um clássico XD

Então é isso, essa é a introdução da matéria dentro da minha coluna que tem previsão para ser postada ao menos uma vez por mês, bora lá!


Esse game é bem a cara do que eu to tentando dizer. Esse jogo é um dos orgulhos da Rockstar games, mas nem por isso ele atinge todas as massas como acontece com seu outro orgulho que é o GTA.
Munhunt tem como público alvo pessoas que gostam de brutalitys sem muita noção, o jogo trás um personagem (que até agora tá sem nome, pelo que entendi) que está servindo quase como uma cobáia para um cara do qual só dá para ouvir a voz, sei lá, não to me preocupando muito em colocar todos os dados certinhos do jogo, e sim tentando contar como que é o troço.
Você encarna num personagem bem estilo 3X4 que tem o rosto encoberto por uma espécie de meia usada geralmente por bandidos para não serem reconhecidos. Sua principal diversão é usar armas encontradas pelo cenário, chegar por traz dos Hunters e enfiar uma boa cacetada neles, muitas vezes você pode fazer com uma sacolinha plástica bem no estilo Tropa de Elite ou achar um caco de vidro que vai direto na jugular do inimigo.
A ideia é que você até pode enfrentar os hunters cara a cara, mas isso vai exigir bem mais força e tempo de você, então você precisa fazer uma pequena estratégia para passar pelos guardas sem ser visto ou sem chamar a atenção de outros guardas.
 Você tem uma barrinha de estamina que lhe mostra o quanto você pode correr ainda sem perder o pique, mas sinceramente acho que você nunca vai precisar usar inteira, sem contar que ela se enche bem rápido de novo. Você vai ter uma barra de vida, que mostra o tanto de sangue que resta e um outro trocinho que tem um bonequinho mostrando seu estado. Seu estado pode ser branco e parado que significa que você está a vista de todos e parado,branco correndo que significa que você está a vista de quem quiser te ver e você está correndo, bonequinho vermelho (pode ser parado ou correndo) que quer dizer que você está sendo visto, um bonequinho com uma setinha pro lado que significa que você está se esgueirando pela parede e o bonequinho azul que significa que você está relativamente bem escondido, em zonas escuras como cantos das salas ou buracos na parede que servem para você se esconder; Haverá um "mapinha" do lado esquerdo que mostrará eventualmente alguns hunters e a posição deles e também mostrará o nivel do som que as coisas fazem, tipo quando você corre, isso mostra uma pequena parcela do circulo em vermelho te mostrando que é de moderada intensidade o som dos seus passos (sim, isso significa que os guardas ouvem quando você faz muito barulho).
 Durante o jogo você é direcionado pela voz misteriosa através da câmera que vai te dizendo o que você deve fazer, e te dando algumas dicas.
 Para quem gosta de misturar estratégia não muito exagerada com suspense e brutalitys, esse é o jogo, com uma jogabilidade clássica que usa o mouse para mover o "olhar" para qualquer direção, A, S, D e W para andar, shift para correr, Q e E para olhar para os lados, espaço para executar algumas ações, botão esquerdo do mouse para usar armas e alguns outros botões que mudam a câmera por exemplo, é possível ter diversão num clássico não tão clássico.
Agora alguns contras...tá, vamos cair na real, o jogo não é aquela maravilha de se jogar antes de dormir, ele pode causar alguns transtornos psicológicos como...ficar com vontade de matar alguém pelas costas XD por isso é preciso parcimônia na hora de jogar, você não pode ser muito jovem nem pode ter transtornos psicológicos, problemas cardíacos também não. Fora isso também tem o problema do gráfico, o troço é tipo de 2003 ou 2004 então os gráficos são meio quadradinhos, mas nada que atrapalhe a jogatina, afinal clássico é clássico.
O jogo também tende a enjoar se jogado por muito tempo seguido, então é sempre bom ir à moderação mesmo.
E nem tem tantos bugs assim, quanto GTA Vice City que é quase da mesma época.
 E é uma maravilha para desestressar, viu...principalmente quando aparece tipo o "replay" da sua ação XD

By: Blyter

Comentários

confira :

CulturaPop #45: Turma da Mônica e a capacidade de recriar PT 2