Samurai Miyoshi #41: Aguas passadas e ventos de mudanças



                         Olá pessoal

                      O tema de hoje é a percepção de sinais, a capacidade de sentir os momentos de seguir em frente ou deixar o passado em seu lugar e parar de remoer a dor. O ponto onde superar as barreiras e as correntes que nos prendem no passado é necessário, quando o espírito sente a necessidade de se superar e olhar para o futuro.


                     Olá, meu caro visitante. 

         A reflexão que teremos hoje é sobre a mudança, as indicações da natureza para perceber que é tempo de sair e buscar outras coisas, a passagem que pode ser significada pela agua, vento, a terra, a morte de uma arvore entre outras coisas. Sentimos o mundo pela percepção do meio ambiente e como relacionamos com a evolução da nossa vida e do local que agente vive, as sensações nos guiam para ficar ou buscar algo novo pela nossa sobrevivência. 

        As aguas passadas são a marca de que se prender a segurança e ao passado pode te afogar nas memórias mas a vida é feita de movimento, seguir a caminhada até a próxima parada. O exercício do desapego e de valorizar a via única do destino, aconteceu e não se repetirá. 

       Os ventos de mudanças remetem a formação de nuvens como a mudança do tempo ,enquanto momento climático, a alteração da direção e do fluxo de vento faz com que percebamos a urgência de procurar um novo abrigo frente a chance de um temporal. 
  
       A vida se propõem como uma experiência previsível, entretanto as vezes no momento de mudança é necessário entender os sinais que as coisas se perdem e tomam outros rumos. A capacidade humana de se adaptar e ler o mundo entorno para perceber a movimentação, seguir a intuição para poder continuar a sua trajetória que o acaso nos apresenta. 

dia 17/05 - Ano do Porco


 侍三好


Confira nossas redes sociais

       É isso, pessoal 
       Até a próxima 

        
 

Comentários

confira :

musicas sobre a friendzone